Foo Fighters faz o Maracanã estremecer com a "Sonic Highways Tour"! • MAZE // MTV Brasil
CoberturasMúsicaPosts

Foo Fighters faz o Maracanã estremecer com a “Sonic Highways Tour”!

Déborah Brandão1482 views

Ontem (25/01) foi um dia atípico para quem esteve no estádio do Maracanã. O templo do futebol, que já recebeu shows históricos, serviu de palco mais uma vez para um show épico de uma das bandas mais consagradas da atualidade: o Foo Fighters, que comemora em 2015 vinte anos de carreira. Antes da maior atração da noite subir ao palco, duas bandas convidadas pelos anfitriões  fizeram apresentações  que conseguiram animar o público e só aumentar a expectativa pelo show principal. A primeira banda a se apresentar foi o Raimundos que, como o próprio vocalista Digão avisou, não demoraria muito. A apresentação foi no mínimo rápida, com apenas 8 músicas tocadas durante pouco mais de meia hora. A banda cumpriu bem seu papel levando o público a cantar todas as músicas, a maioria da primeira formação do grupo, e contagiou um Maracanã que aos poucos estava enchendo.  

A segunda atração da noite foi a banda  britânica Kaiser Chiefs – aqueles do hit “Ruby” –  que, com muita competência, bom humor, simpatia (alguns membros da banda vestiram a camisa da seleção brasileira) e energia contagiante exalada pelo vocalista Ricky Wilson, fizeram  em pouco menos de 1 hora uma apresentação consistente, aumentando a ansiedade da galera (principalmente quando Ricky foi até a passarela e junto ao público gritou  “Foo Fighters! Foo Fighters!”).

foo fighters maracana rio de janiero kaiser chiefs mazeblog

Às 21:20, uma imagem do Cristo Redentor sobreposta à Lua surgiu nos telões para, logo em seguida, dar origem ao logo do Foo Fighters.  Os primeiros riffs de “Something From Nothing” anunciavam o que todos que se propuseram a ir ao Maracanã num domingo escaldante mais esperavam: o grande show iria começar. Já na primeira música a banda foi recepcionada com muitos gritos e com um coro que do começo ao fim entoou a canção. Daí em diante ninguém teria descanso, o show dos caras é adrenalina pura. O que se viu (e ouviu) a seguir foi uma sequência de hits, como “The Pretender”, “Learning To Fly”,  “Breakout”,  “My Hero”, e,  um dos momentos mais bonitos, quando em “Big Me” o Maracanã se fez iluminar apenas com as luzes dos celulares.

Uma comprovação: Dave Grohl é um cara muito legal. Muito mesmo. Como afirmam por aí, o cara mais legal do Rock’n Roll. Depois de um desfile de sucessos, algumas conversas com o público, e de muito passear pela grande passarela que ligava o palco principal ao final da pista premium, Dave foi até o início da passarela para dar a chance da galera que estava mais distante do palco de vê-lo de perto. E então se iniciou um set acústico, com “Skin and Bones” e “Wheels”. Em “Times Like These”, Dave disse que quanto mais alto as pessoas cantassem, maiores seriam as chances deles de voltarem logo, e seu pedido foi atendido (claro!). A música, uma das mais queridas pelos fãs, foi cantada em uma só voz pelas mais de 40 mil pessoas presentes.

foo fighters maracana rio de janeiro dave grohl mazeblog

Do nada, eis que toda a banda surge no meio da passarela, para tocar um sequência incrível de vários covers de algumas bandas clássicas do rock, que sempre serviram de inspiração ao Foo Fighters, como Kiss, Rush e Queen. A cada música, o grande círculo central – posicionado no meio da passarela – girava em direção à um lado do estádio. Simplesmente o máximo!

Em “All My Life” a galera foi ao delírio, porém em “Best Of You”, mais uma vez a participação do público foi de arrepiar. E foi com “Everlong” que a banda se despediu, deixando claro que não voltava para o famoso bis, e nos fazendo perceber o porque de ser considerada uma das maiores bandas de rock do mundo. Também prometeram voltar em breve. Esperamos que seja verdade. Vida longa ao Foo Fighters!

Confira o setlist do show abaixo:

1- Something From Nothing
2 – The Pretender
3 – Learn to Fly
4 – Breakout
5 – Arlandria
6 – My Hero
7 – Big Me
8 – Congregation
9 – Walk
10 – Cold Day in the Sun 
11 – In the Clear
12 – This Is a Call
13 – Monkey Wrench
14 – Skin and Bones 
15 – Wheels 
16 – Times Like These
17 – Detroit Rock City (Kiss cover)
18 – Tom Sawyer (Rush cover)
19 – Stay With Me (The Faces cover)
20 – Under Pressure (Queen & David Bowie)
21 – All My Life
22 – Best of You
23 – Everlong

Déborah Brandão
Possui um grande amor por Beatles, Green Day, O Poderoso Chefão, Dexter e The Big Bang Theory.